Bio Caldo - Quit Alimentos

Empresários de Santa Maria agradecem apoio de Ibaneis para o crescimento do setor


Redução de ICMS para setores atacadistas e de produtos da cesta básica foram lembrados como medidas do governo Ibaneis


Foto: Rodolfo Santos.

O governador Ibaneis Rocha dedicou o sábado (6) a ouvir e conversar com empresários de Santa Maria. Ele almoçou com funcionários da fábrica de chopp Potiguar e também visitou a rede de supermercados Vivendas. Oportunidade para ver como o setor tem trabalhado no desenvolvimento e na geração de empregos do DF.

"Temos feito de tudo para que as empresas continuem crescendo e crescendo cada vez mais. Nós temos levado obras a todas as cidades e temos reavaliado em todo o Distrito Federal. Nós tivemos dois anos de pandemia, de muitas dificuldades, mas o DF não perdeu a coragem de crescer", lembrou Ibaneis.
 
A coragem de crescer citada por Ibaneis veio com o apoio do governo em medidas como a redução do ICMS para o setor atacadista e de itens da cesta básica, por exemplo. E os empresários reconhecem.

Proprietário da fábrica de chopp Potiguar, Wagner Pacheco diz que o cenário é favorável na capital. "Importante essa visita para nós porque ser industrial é um grande desafio. Somos a maior cervejaria artesanal do Centro-Oeste e muito disso é fruto das oportunidades que esse governo dá para nós gerarmos empregos, de termos condições fiscais e de competirmos com outros estados", agradece Wagner, que emprega mais de mil pessoas no Grupo Potiguar.

Já o sócio-proprietário da rede Vivendas, Thiago Tavares, lembrou das obras e do trabalho social do governo Ibaneis. "Agradeço por tudo o que o governador tem feito pelas empresas e pela população. Você anda pelas cidades e tem obras por todos os lados. Temos que enxergar não só as obras, mas esse apoio à população também", disse. Na sequência, ele elogiou as medidas em prol do setor. "O governador manteve as portas abertas, reduziu o ICMS da cesta básica e várias questões que ele cedeu para as empresas para firmar os empregos. Conseguimos não só manter os empregos, como abrir novas unidades", finalizou.

De fato, o trabalho da gestão Ibaneis tem dado resultados. Quando ele assumiu o governo, o DF tinha 320 mil desempregados, marca que caiu para 260 mil pessoas, mesmo enfrentando dois anos e meio de pandemia. A taxa de desemprego caiu pelo terceiro mês consecutivo, atingindo o patamar de 15,6%, enquanto há um ano era de 18,7%.

Para a empresária Andressa Vasconcelos, o apoio do governo antes, durante e depois da pandemia tem sido essencial para a sustentação da economia. "Na época [mais aguda] de pandemia ficamos sem saber o que fazer, mas com os incentivos que o governador deu a gente conseguiu sobreviver nessa fase complicada e agora tem muita gente que está conseguindo se sobressair com os benefícios sociais e os financiamentos que estamos conseguindo de forma mais fácil. Isso facilita para quem é pequeno empresário e o governo deu esse acolhimento para nós", afirma.
Edilayne Martins

"Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida." (Bob Marley)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem